Pedágio da Anhanguera será único

A Comissão de Concessões da Secretaria de Estado dos Transportes decidiu ontem à noite suspender, por tempo indeterminado, a cobrança de pedágio nos dois sentidos do sistema Anhangüera-Bandeirantes, como havia sido divulgado. Hoje, a cobrança é feita só em um sentido.A comissão havia autorizado a AutoBAn, empresa que administra o sistema, a mudar a forma de cobrança para veículos de cargas e ônibus. A cobrança seria a metade da tarifa na ida e o restante na volta. Dessa, maneira, os motoristas pagariam R$ 2,70 em cada sentido, totalizando os atuais R$ 5,40 pagos em um só sentido.Segundo o assessor jurídico do Sindicato das Empresas de Transporte de Carga do Estado, Carlos Breda, haveria uma economia de até 15% para transportadoras e profissionais autônomos. De acordo com a entidade, amaioria dos caminhões nem sempre retorna imediatamente ao local de partida. É comum pegarem encomendas e, em outras estradas, pagarem mais taxas. Breda afirma que, com isso, levam desvantagem por pagar a tarifa total.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.