Pedidos de auxílio-desemprego despencam nos EUA

O número de trabalhadores norte-americanos que entraram com pedido de auxílio-desemprego pela primeira vez caiu em 94 mil na semana terminada em 27 de dezembro, para o nível sazonalmente ajustado de 492 mil, segundo o Departamento de Trabalho do país. Economistas esperavam queda de 11 mil nos pedidos. Na semana passada, os pedidos somaram 586 mil. A média de pedidos em quatro semanas, que normalmente minimiza a volatilidade dos números semanais, caiu em 5.750, para 552,25 mil. O volume de pedidos feitos há mais de uma semana aumentou em 140 mil, para 4,506 milhões na semana até 20 de dezembro. A taxa de desemprego entre trabalhadores que recebem o benefício subiu de 3,3% para 3,4%. As informações são da Dow Jones.

MARCÍLIO SOUZA, Agencia Estado

31 Dezembro 2008 | 13h25

Mais conteúdo sobre:
EUA AUXÍLIO-DESEMPREGO

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.