Pedidos de auxílio-desemprego nos EUA caem inesperadamente na semana passada

O número de norte-americanos que solicitou novos pedidos de auxílio-desemprego diminuiu inesperadamente na semana passada, oferecendo sinais de melhora regular no mercado de trabalho.

Reuters

27 de novembro de 2013 | 11h42

Os pedidos iniciais do benefício recuaram em 10 mil, para 316 mil segundo dados ajustados sazonalmente, informou nesta quarta-feira o Departamento do Trabalho. As solicitações da semana anterior foram revisadas, mostrando 3 mil solicitações a mais do que divulgado anteriormente.

Economistas consultados pela Reuters esperavam que os pedidos aumentassem para 330 mil na semana passada.

A média móvel de quatro semanas de novos pedidos, que elimina a volatilidade semanal, diminuiu em 7.500, para 331.750.

(Reportagem de Lucia Mutikani)

Tudo o que sabemos sobre:
MACROEUAAUXILIODESEMPREGO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.