finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Pedidos de recuperação judicial caem 32,1% em outubro

O total de pedidos de recuperação judicial em outubro caiu 32,1% em relação a setembro e foi o menor deste ano, de acordo com o Indicador Serasa Experian de Falências e Recuperações, divulgado hoje. Em setembro, 53 empresas pediram recuperação e em outubro foram 36 - 15 micro e pequenas, 13 médias e 8 grandes. Porém, no acumulado em dez meses, os pedidos registraram elevação: são 599 contra 227 no mesmo período de 2008. Na comparação com o mesmo mês de 2008, outubro deste ano registrou quase o dobro de pedidos. Foram 19 requerimentos em outubro de 2008 - 8 de micro e pequenas empresas, 7 de médias e 4 de grandes companhias.

WLADIMIR D'ANDRADE, Agencia Estado

06 de novembro de 2009 | 10h19

Os pedidos de falências aumentaram de 200 em setembro para 208 em outubro. Ante outubro do ano passado, houve elevação - foram 171 no mesmo mês de 2008. No acumulado em dez meses, 2.003 empresas pediram falência este ano, contra 1.881 no mesmo período do ano passado. Segundo os analistas da Serasa Experian, a queda no total de pedidos de recuperação judicial pode ser entendida como um sinal de normalização do fluxo de caixa das empresas em razão do processo de recuperação da economia. Para os técnicos da entidade, com a melhora do acesso ao crédito, os pedidos de recuperação judicial vão se estabilizar em níveis menores dos que os verificados mensalmente este ano.

Tudo o que sabemos sobre:
recuperação judicialempresasSerasa

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.