Pela 2ª semana, investidor volta a injetar dólares no Brasil

Fluxo cambial até dia 13 ficou positivo em US$ 1,026 bi; conta financeira tem saldo positivo de US$ 296 mi

Fernando Nakagawa, da Agência Estado,

18 de fevereiro de 2009 | 12h49

O fluxo cambial (entrada e saída de dólares do País) no mês até dia 13 de fevereiro foi positivo em US$ 1,026 bilhão, acima do resultado apurado em igual período do ano passado, positivo em US$ 804 milhões.   Dados parciais divulgados nesta quarta-feira, 18, pelo Banco Central mostram que o ingresso de dólares em fevereiro tem sido liderado pelo fluxo comercial (balança comercial), que teve ingresso líquido de US$ 730 milhões até dia 13, decorrente de exportações totais de US$ 4,825 bilhões e importações de US$ 4,096 bilhões.   Veja Também: De olho nos sintomas da crise econômica  Dicionário da crise  Lições de 29 Como o mundo reage à crise   A conta financeira, por sua vez, apresentou saldo positivo pela segunda semana consecutiva de US$ 296 milhões, fruto de ingressos de US$ 9,206 bilhões e saídas de US$ 8,910 bilhões. O resultado reverte a tendência de janeiro, quando o saldo fechou negativo. A saída de dólares no mês passado foi liderada pelo segmento financeiro, que teve resultado líquido negativo de US$ 3,550 bilhões. Janeiro foi o quinto mês consecutivo em que o fluxo cambial apresentou resultado negativo.    No ano até dia 13 deste mês, o fluxo cambial tem resultado negativo de US$ 1,992 bilhão, com a conta comercial mostrando superávit de US$ 1,261 bilhão e a financeira, saídas líquidas de US$ 3,254 bilhões. Em igual período do ano passado, o fluxo cambial havia registrado saída líquida de US$ 1,554 bilhão.   Texto ampliado às 13h26

Tudo o que sabemos sobre:
Fluxo cambial

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.