Coluna

Thiago de Aragão: China traça 6 estratégias para pós-covid que afetam EUA e Brasil

Pelados, manifestantes protestam contra reunião da OMC

Manifestantes anti-globalização rasgaram as roupas nesta segunda-feira e gritaram "Não OMC", no primeiro de vários atos esperados contra o encontro da Organização Mundial do Comércio (OMC), que começa nesta quarta-feira em Cancún, no México.Um mistura de ativistas radicais, agricultores e defensores de direitos trabalhistas planejaram uma semana de protestos para mostrar os efeitos negativos do livre comércio e do crescimento da dominação das grandes corporações.Os protestantes dizem que Cancún, com suas milhares de praias de areia branca escondidas por prédios altos de hotéis, é um bom exemplo do crescimento das grandes empresas privadas em detrimento da qualidade de vida.

Agencia Estado,

08 de setembro de 2003 | 20h21

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.