Perillo nega pedido de Teixeira para depor separado no Senado

Presidente da Comissão de Infra-Estrutura argumenta que pedido do advogado é impraticável

Cida Fontes, de O Estado de S. Paulo,

17 de junho de 2008 | 17h06

O advogado Roberto Teixeira enviou nesta terça-feira, 17, fax ao presidente da Comissão de Infra-Estrutura do Senado, Marconi Perillo (PSDB-GO), confirmando sua presença, nesta quarta, na segunda audiência pública para discutir a venda da Varig, mas solicitou depoimento em separado dos três sócios brasileiros do Fundo Matlin Patterson, que comprou a VarigLog e, depois, a Varig, Marco Antônio Audi, Luiz Eduardo Gallo e Marcos Haftel, que também comparecem à audiência.   Veja também:  Entenda as denúncias contra a venda da Varig   Veja os principais pontos do depoimento de Denise Abreu  Leia a reportagem do Estado que revelou o caso Varig    Perillo respondeu ao escritório de Roberto Teixeira ser impraticável atender o pedido, alegando que, na audiência pública da semana passada, somente o depoimento da ex-diretora da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) Denise Abreu durou cerca de oito horas. Até agora, Perillo não teve nenhuma reação do escritório de Teixeira à sua negativa.

Tudo o que sabemos sobre:
VarigRoberto Teixeira

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.