carteira

As ações mais recomendadas para dezembro, segundo 10 corretoras

Peritos do INSS entram no 2º dia de paralisação

A paralisação de 48 horas dos médicos peritos do INSS em todo o País entrou nesta quinta-feira em seu segundo dia. Eles reivindicam, entre outras coisas, melhores condições de segurança para poderem trabalhar. A assessoria de imprensa do INSS divulgou um balanço da paralisação da categoria em todo o Estado. Na capital paulista, das 19 agências que contam com o serviço de perícia, 15 ficaram fechadas e quatro funcionaram normalmente.Na Grande São Paulo, das 16 agências que possuem a perícia, seis atenderam sem problemas e 10 ficaram fechadas. No interior do Estado, das 126 agências que têm os peritos, 52 tiveram atendimento normal, 11 funcionaram parcialmente e em 61 não houve expediente.Os servidores públicos do INSS em São Paulo também fazem nesta quinta uma paralisação de 24 horas. De acordo com a assessoria de imprensa do órgão, esse movimento nada tem a ver com o dos médicos peritos. Balanço do protesto feito pela assessoria de imprensa do INSS revelou que, das 27 agências na capital paulista, 16 atenderam normalmente e 11 permaneceram fechadas. Na Grande São Paulo, das 16 agências, sete funcionaram a pleno vapor, três tiveram atendimento parcial e seis não abriram. Já no interior, das 127 agências, 103 trabalharam normalmente, oito atenderam parcialmente e 14 não funcionaram.

Agencia Estado,

14 de setembro de 2006 | 13h03

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.