Petrobras ainda não decidiu local de nova refinaria

O diretor de Abastecimento e Refino da Petrobras, Paulo Roberto Costa, afirmou hoje que o local onde será construída a Refinaria Premium não está definido. Segundo ele, esta fase do projeto será concluída no final do mês e o anúncio deverá ser feito até o início de junho. Na semana passada, o ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, havia anunciado que a unidade deverá ser instalada no Maranhão, seu Estado de origem. Os investimentos na refinaria devem chegar a US$ 8 bilhões, afirmou o ministro na ocasião."Todo projeto que a Petrobras realiza tem uma série de detalhes. Para todo investimento deste porte são avaliadas várias localizações. E isso ainda não foi fechado", disse Costa, sem querer comentar o fato de o ministro ter anunciado o Estado do Maranhão. Ele confirmou que o número de Estados que estão na disputa diminuiu no decorrer do detalhamento do projeto, mas não comentou se o Ceará, principal concorrente do Maranhão, tem chances de ficar com a refinaria.Os dois Estados apresentam condições de infra-estrutura de exportação adequada para a instalação da refinaria, que terá seus produtos destinados ao mercado norte-americano. A refinaria será a maior do País, com capacidade de processar 500 mil barris por dia.O diretor da Petrobras também não quis comentar hoje a possibilidade de a estatal construir uma outra refinaria, de cerca de 200 mil barris de petróleo por dia, como anunciou o ministro. De acordo com o ministro, isso seria necessário para atender ao crescente mercado doméstico. "Agora estamos envolvidos com a elaboração deste projeto. Qualquer outro será pensado posteriormente a esta decisão sobre a localização e o porte desta unidade", disse.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.