Petrobras anuncia nova descoberta na Bacia de Santos

A Petrobras anunciou hoje a descoberta de petróleo na área do pré-sal na Bacia de Santos. A nova acumulação está localizada no bloco BM-S-9, também chamado de Carioca. A Petrobras detém a operação da área, com 45%, em parceira com a BG Group (30%) e Repsol YPF (25%). A acumulação de óleo leve (28º API) foi encontrada pela estatal no prospecto denominado Guará, que fica ao norte do bloco BM-S-9. O bloco é composto por duas áreas exploratórias. Na maior delas, teve o plano de avaliação aprovado pela Agência Nacional de Petróleo (ANP), em setembro.No novo poço, denominado Guará, a acumulação está na lâmina d''água de 2.141 metros O poço ainda se encontra em perfuração, na busca de objetivos mais profundos. A descoberta foi comprovada através de amostragem de óleo por teste a cabo, em reservatórios localizados em profundidade de cerca de 5 mil metros. Após a conclusão do poço, o consórcio dará continuidade às atividades e investimentos necessários para a verificação das dimensões da jazida e das características dos reservatórios de petróleo. Para isso, será encaminhado um plano de avaliação à ANP, conforme previsto no contrato de concessão.Em abril, o diretor-geral da ANP, Haroldo Lima, havia afirmado que a área de Carioca/Guará poderia ter até quatro vezes mais óleo do que Tupy, o que daria em torno de 33 bilhões de barris. Segundo analistas de mercado, esse bloco está situado numa área chamada de Pão de Açúcar, que inclui ainda os blocos BM-S-8, BM-S-21 e BM-S-22. No total, os analistas estimam que o óleo que pode ser retirado nessa área chegaria até 52 bilhões de barris.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.