Renda extra

Fabrizio Gueratto: 8 maneiras de ganhar até R$ 4 mil por mês

Petrobras atraiu 50 mil acionistas desde o início do ano

Desdobramento de ações foi responsável pela expansão; hoje, 66% dos papéis da companhia estão no mercado

MÔNICA CIARELLI, Agencia Estado

03 de setembro de 2007 | 16h16

O presidente da Petrobras, José Sérgio Gabrielli, revelou nesta segunda-feira, 3, que a estatal conseguiu atrair 50 mil novos acionistas após o desdobramento de ações no Brasil e nos Estados Unidos promovido desde o início do ano. O executivo explicou que o desdobramento foi feito com objetivo de ampliar a base de acionistas da estatal. Hoje, 66% das ações da companhia estão no mercado. Gabrielli participou do lançamento do evento Bovespa vai à Petrobras II, um projeto de popularização do mercado de ações feito pela Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa). O objetivo desta vez é atender 150 mil pessoas ao visitar 52 unidades da estatal em 18 estados brasileiros. O programa ficará aberto de setembro a dezembro de 2007 e entre março e abril de 2008.  Desafio O presidente da estatal afirmou que um dos desafios da Petrobras é combinar sua estratégia de longo prazo na formação de preço com a atual volatilidade na cotação do petróleo no mercado internacional. "A flutuação no preço do petróleo está cada vez mais de curtíssimo prazo. A cada 10 minutos tem uma variação de preço", disse ele.  Em palestra para funcionários, Gabrielli comparou a dinâmica do mercado de petróleo internacional com o de uma bolsa de valores. "Todas as nossas decisões são tomadas no longo prazo. Não há decisões de curto prazo nas indústrias de petróleo, gás, energia e petroquímica", explicou, ao mostrar que a empresa traça sua política de preços para seus produtos com essa perspectiva.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.