Petrobras começa estudo para alcoolduto entre MS e PR

A Petrobras vai iniciar a análise da viabilidade técnica para construir um alcoolduto, que ligará Campo Grande ao Porto de Paranaguá (PR). O presidente da estatal, José Sergio Gabrielli, e os governadores de Mato Grosso do Sul, André Pulcinelli, e do Paraná, Roberto Requião, assinaram hoje em Foz do Iguaçu (PR) o termo de cooperação, com a finalidade de desenvolver os estudos de viabilidade para a execução da obra. No evento, também estavam presentes o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, e o diretor de Abastecimento da Petrobras, Paulo Roberto Costa.De acordo com comunicado da estatal, o estudo analisará o escoamento da nova produção de etanol dos dois Estados para o mercado de exportação, por meio de um alcoolduto com cerca de 920 km de extensão, desde Campo Grande até o Porto de Paranaguá. O relatório final do projeto deve ficar pronto em 90 dias.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.