Petrobras conclui aquisição de ativos da Shell na Colômbia

A Petrobras informou nesta sexta-feira que concluiu a negociação de compra de ativos da multinacional Shell na Colômbia, anunciada em US$ 140 milhões. O negócio inclui 39 postos de combustíveis no país, e a administração será transferida para a estatal imediatamente. A marca será mudada dentro de seis meses. "Toda a força de trabalho será aproveitada e será mantida a política de benefícios para os recursos humanos", acrescentou a empresa.Além dos postos e das lojas de conveniência em na capital colombiana, Bogotá, e em outros municípios, o negócio inclui uma base de armazenamento e a fábrica de mistura de lubrificantes na região industrial de Puente Aranda, também na capital colombiana, e um terminal na cidade de Santa Marta, de acordo com um comunicado divulgado pela petrolífera.Negócio maiorA aquisição dos ativos da Shell na Colômbia faz parte de um negócio maior, assinado em dezembro, que garantiu à Petrobras todos os negócios da anglo-holandesa em Colômbia, Uruguai e Paraguai.O contrato ainda inclui 134 postos de combustíveis, ativos na comercialização de Gás Liqüefeito de Petróleo (GLP) e instalações para a venda de produtos para aviação no Paraguai. A Petrobras também controlará 89 postos e instalações para a comercialização de combustível de aviação e venda de asfalto no Uruguai.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.