Petrobras continua negociando reajuste salarial de petroleiros

O presidente da Petrobras, José Eduardo Dutra, disse que a empresa continua negociando o reajuste salarial dos petroleiros, que ameaçam entrar em greve a partir da próxima semana, e deu a entender que a proposta da empresa é satisfatória. "Apresentamos uma proposta que cobre a inflação de todo o período, de acordo com o Dieese", disse.Os petroleiros querem aumento que recomponha as perdas com a inflação mais 5% de aumento real de salário. "Não dá para comparar com a proposta dos bancários, que no ano passado receberam 12%, enquanto a Petrobrás pagou 15,7%", disse Dutra, referindo-se à greve dos bancos que chega aos seu 10º dia.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.