Petrobras descobre jazida de gás na Bacia de Santos

A Petrobras anunciou hoje, por meio de comunicado ao mercado, a descoberta de "uma grande jazida" de gás natural e condensado na camada pré-sal da Bacia de Santos. A descoberta, atribuída ao consórcio formado pela estatal (com 80% de participação) e pela Galp Energia (20%), está localizada em reservatórios com profundidade de cerca de 5.100 metros. Segundo o comunicado, a espessura do intervalo portador de hidrocarbonetos é de mais de 120 metros. Ainda de acordo com a estatal, "a área desta estrutura pode ter dimensões similares às de Tupi".O novo poço, denominado Júpiter, está a uma profundidade final de 5.252 metros, localizado a 290 km da costa do Estado do Rio de Janeiro e a 37 km a leste da área de Tupi. A descoberta foi comunicada hoje à Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).A Petrobras informa que o consórcio dará continuidade às atividades e investimentos necessários para a verificação das dimensões desta nova jazida e das características dos reservatórios portadores de gás.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.