Petrobras e Mitsui assinam contrato para usina de álcool

A Petrobras fechou o primeiro contrato para investimento conjunto com a japonesa Mitsui em uma usina produtora de álcool, informou hoje o diretor de Abastecimento e Refino da estatal, Paulo Roberto Costa. Segundo ele, a unidade - a primeira de 40 em que a estatal pretende ter capital acionário - é a usina de Itarumã, no interior do Estado de Goiás. A Petrobras e a Mitsui dividirão 20% de participação na usina, que começará a produzir 200 milhões de litros de álcool a partir da safra de 2009. Os investimentos na unidade somam US$ 200 milhões.Segundo Costa, a idéia é que, com o fechamento deste primeiro negócio, os demais sejam agilizados. "Estávamos ainda sem saber ao certo qual seria o modelo a ser firmado para a formação da sociedade. Agora, para as demais usinas, o processo será mais acelerado", disse.No total dos 40 projetos, dez estão adiantados, segundo ele. A perspectiva é de que todas as 40 unidades estejam produzindo 4,5 bilhões de litros destinados à exportação em 2012. Para este ano, a meta é atingir um volume de 500 milhões de litros exportados, sendo que 300 milhões deles já foram embarcados nos primeiros quatro meses do ano, destinados principalmente aos Estados Unidos. "Certamente vamos superar nossa meta", disse.Ainda segundo Costa, as usinas de produção de álcool serão gerenciadas pela subsidiária de biocombustíveis que ainda vai ser criada pela estatal.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.