Renda extra

Fabrizio Gueratto: 8 maneiras de ganhar até R$ 4 mil por mês

Petrobrás fecha acordo com estatal da Noruega

A Petrobrás firmou ontem novo acordo com a Statoil, empresa de petróleo e gás controlada pelo Estado norueguês, que prevê a produção de etanol no Brasil e a exportação do produto para países europeus. Depois da assinatura do memorando de entendimento, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou que "não é incompatível" insistir na venda de etanol para um país que lidera a lista dos produtores de petróleo.A Noruega é o terceiro maior exportador de petróleo do mundo, só perdendo para a Arábia Saudita e a Rússia. "Eu quero que a Noruega continue encontrando mais petróleo, sobretudo com a parceria entre a Statoil e a Petrobrás", disse Lula, em entrevista coletiva. "E, quanto mais gasolina tiver, mais nós temos que misturar." O presidente lembrou que os países da União Européia serão obrigados a adicionar 10% de etanol em sua gasolina até 2020. Pelo protocolo firmado ontem, Brasil e Noruega também desenvolverão pesquisas para produção do álcool de celulose, batizado de segunda geração, a partir das sobras de colheitas. Além disso, os dois países pretendem atuar juntos na exploração de petróleo.No Brasil, a norueguesa Statoil detém a concessão de nove contratos desse tipo, sendo sete em parceria com a Petrobrás. Na definição de Lula, a Petrobrás era "aquela moça bonita que não sabia que era bonita e tinha vergonha de namorar". Para o presidente, a empresa brasileira deixou de ser acanhada.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.