Petrobrás investe US$ 3,12 bi para modernizar refinaria

Unidade em São José dos Campos (SP) é responsável por 14% do processamento de petróleo no PaÍs

Tatiana Freitas, da Agência Estado,

14 de dezembro de 2009 | 14h22

A Petrobrás está investindo US$ 3,12 bilhões na modernização da Refinaria Henrique Lage (Revap), em São José dos Campos (SP), responsável por 14% do processamento de petróleo no PaÍs. O presidente da estatal, José Sergio Gabrielli, visitou a refinaria hoje pela manhã. Ele informou que os aportes realizados na unidade são destinados à melhora da qualidade dos produtos, levando também em consideração a otimização energética e questões ambientais.

Gabrielli destacou, em entrevista coletiva, que a Revap já processou e refinou o óleo de Tupi. "Os resultados de performance foram excelentes", observou. A Revap tem especialidade na produção de querosene de aviação (QAV) e derivados médios, sendo importadora de óleo leve. A expectativa é de que, com a entrada dos campos do pré-sal em escala comercial de produção, não exista mais a necessidade de comprar óleo fora do Pais. "Com a entrada desses campos, vamos produzir derivados 100% nacionais", disse o gerente-geral da Revap, Claudio Pimentel.

Estão em andamento na Revap os trabalhos de construção civil das unidades de gasolina e a montagem eletromecânica das unidades de coque e diesel. A fábrica de eteno e a unidade de tratamento de hidrocarboneto leve de refinaria (UTHLR) já passaram por reformas. As reformas de todas as unidades devem estar concluídas até 2011.

Tudo o que sabemos sobre:
refinariapetróleoRevapPetrobras

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.