carteira

As ações mais recomendadas para dezembro, segundo 10 corretoras

Petrobras não quer parar importação de gás da Bolívia

O Brasil não pretende interromper as importações de gás da Bolívia quando finalizar o atual contrato em 2021, afirmou a diretora de Gás e Energia da Petrobras, Maria das Graças Foster, durante entrevista coletiva à imprensa, em Buenos Aires, onde se realiza a Conferencia Mundial de Gás.

MARINA GUIMARÃES, Agencia Estado

07 de outubro de 2009 | 10h19

"Nós não consideramos deixar de importar gás de Bolívia. Não vamos deixar de importar. Estamos dispostos a continuar conversações com a Bolívia para receber mais gás quando o contrato tiver vencido. O gás é importante para a Bolívia e as relações com o país são muito importantes para o Brasil", afirmou.

Tudo o que sabemos sobre:
gásPetrobrasBolívia

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.