Petrobras recomprará títulos no exterior

A estatal Petrobras anunciou hoje que vai recomprar até US$ 1 bilhão em títulos no exterior. O objetivo, segundo a empresa, é reduzir dívidas e aproveitar o momento de forte fluxo de caixa. O diretor financeiro da companhia, Almir Barbassa, admitiu que não há prazos para a reemissão destes títulos e isso só deve ocorrer "no futuro, quando o mercado se mostrar melhor". Hoje o endividamento da empresa está na casa dos US$ 20 bilhões.A Petrobras International Finance Corporation (Pifco), subsidiária da petrolífera, deve lançar oferta de recompra de cinco séries de títulos com vencimentos entre 2008 e 2018. As cinco emissões em questão são: papéis com vencimento em 1º de abril de 2008 e rentabilidade 12,375%; 9 de maio de 2008 (9,875%); 6 de julho de 2011 (9,75%); 2 de julho de 2013 (9,125%) e 10 de dezembro de 2018 (8,375%).Se a Petrobras receber ofertas de mais do que US$ 1 bilhão em bônus, a companhia dará preferência de recompra para os papéis de curto prazo. A oferta é administrada pelo Morgan Stanley & Co. e o UBS Securities. A operação deve expirar em 24 de julho, a menos que seja estendida ou encerrada com antecedência, acrescentou a empresa.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.