Petrobras se reúne com sindicato de petroleiros nesta quarta

Funcionários da estatal na Bacia de Campos fazem greve de cinco dias para discutir dia do desembarque

Reuters,

15 de julho de 2008 | 15h11

O Sindicato dos Petroleiros do Norte Fluminense vai se reunir nesta quarta-feira, 16, com a Petrobras para discutir a questão do dia do desembarque, motivo de uma greve que está no seu segundo dia nesta terça-feira.  Segundo o sindicato, a Petrobras havia solicitado reunião para esta terça-feira, mas os seus dirigentes estão mobilizados com uma discussão sobre uma possível greve nacional da Federação Única dos Petroleiros (FUP), que está sendo decidida nesta terça-feira no Rio de Janeiro.  "O sindicato indicou que a reunião seja remarcada para amanhã, 16, no mesmo horário (14h), devido à direção sindical estar organizando categoria na greve e participando da reunião do Conselho Consultivo da FUP, que está definindo assuntos de interesse da categoria", informou o sindicato em seu site. A reunião foi confirmada pela Petrobras.  A greve dos petroleiros reduziu a produção da Petrobras em 7% na segunda-feira, mas foi normalizada nesta terça após a adoção de um plano de contingência, que segundo o sindicato é composto por mais de 250 pessoas.  A FUP decide se fará greve a nível nacional estendendo às refinarias e terminais a tentativa de paralisação para reivindicar maior participação nos lucros da empresa e mais segurança no trabalho.

Mais conteúdo sobre:
GrevePetrobras

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.