coluna

Dan Kawa: Separar o ruído do sinal é a única forma de investir corretamente daqui para a frente

Petrobras vai reduzir preço do querosene de aviação

Custo será reduzido em 1,6% a partir desta quinta-feira; no ano, QAV acumula alta de 3,6%

KELLY LIMA, Agencia Estado

31 de outubro de 2007 | 16h08

A Petrobras vai reduzir o preço do Querosene de Aviação (QAV) em 1,6% a partir desta quinta-feira, 1º, informou o Sindicato Nacional das Empresas Aéreas (Snea). O reajuste é mensal e autorizado no último dia do mês. No acumulado do ano, o QAV tem alta de 3,6%.   Em outubro, a Petrobras havia repassado uma alta de 4,3%. Segundo o Snea, apesar de o preço do petróleo ter aumentado, contribuiu para influenciar a queda neste mês, pelo fato de o real ter se sobrevalorizado ante a moeda americana.   A Petrobras também reajusta mensalmente os preços do óleo combustível e da nafta, mas por se tratarem de contratos individuais entre a estatal e seus clientes, os valores não são divulgados.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.