Petrobras vende participação na Petroquímica de Cuyo

A Petrobras Energia, subsidiária da Petrobras na Argentina, vendeu sua participação acionária de 40% na Petroquímica de Cuyo, com operações na província (Estado) de Mendoza. Em nota enviada à Bolsa de Buenos Aires, divulgada hoje pela companhia à imprensa, Petrobras Energia informa que estabeleceu um preço de venda de US$ 32 milhões para a empresa argentina Admire Trading Company, que já era dona de 50,5% da Petroquímica Cuyo, e para o Grupo Investidor Petroquímica, também da Argentina. A Petroquímica Cuyo produz polipropileno em uma planta industrial localizada no município de Luján de Cuyo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.