finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Petróleo acentua queda em NY e Londres com Opep em foco

Os preços internacionais dos contratosfuturos de petróleo chegaram a cair mais de 2 dólares nestasexta-feira, à medida em que as atenções se voltam para areunião da Organização dos Países Exportadores de Petróleo(Opep), na próxima semana, quando se espera o anúncio doaumento da produção do cartel. Analistas disseram que o recuo dos preços em Nova Yorkabaixo de 90 dólares o barril, um importante ponto no mapa depreços dos operadores, disparou uma onda de vendas. O contrato chegou a cair 2,06 dólares, para 88,93 dólares obarril, e era negociado às 9h44 (horário de Brasília) a 89,15dólares o barril, queda de 1,86 dólar. Na quinta-feira, o contrato encerrou os negócios cotado a91,01 por barril, depois de ter atingido 95,17 dólares durantea sessão, após a explosão de um importante oleoduto entre oCanadá e os Estados Unidos, que interrompeu temporariamente ofornecimento da commodity. Em Londres, o contrato do tipo Brent recuava 1,72 dólares,para 88,50 dólares o barril. "Agora que nós rompemos os 90 dólares, o movimento começa air para baixo. Tecnicamente, 90 dólares é um importante patamarde suporte", afirmou Olivier Jakob da Petromatrix. As atenções no mercado voltaram para a reunião da Opep dodia 5 de dezembro, em Abu Dhabi. "Nós estamos agora de olho na Opep e vamos passar o fim desemana de olho na Opep. Isso vai ser o ponto-chave. Eles vão(aumentar a produção), eles não vão? E quanto eles vãoacrescentar ou não", afirmou Rob Laughlin, da MF Global.

SANTOSH MENON, REUTERS

30 de novembro de 2007 | 11h22

Tudo o que sabemos sobre:
PETROLEOQUEDA

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.