Petróleo avança 3% em NY e fica acima de US$73 após relatório

O petróleo saltou mais de 3 por cento, para mais de 73 dólares o barril na quarta-feira, depois que dados do governo mostraram que os estoques de petróleo nos Estados Unidos caíram bem mais do que o esperado na semana passada, ofuscando preocupações com a demanda.

REUTERS

16 de dezembro de 2009 | 14h40

A Administração de Informação de Energia nos EUA (EIA, na sigla em inglês), afirmou que os estoques de petróleo caíram 3,7 milhões de barris na semana passada, ofuscando as expectativas de analistas de uma queda de apenas 1,8 milhão de barris.

Os estoques de derivados dos EUA, que incluem óleo para aquecimento e diesel, também apresentaram uma forte queda, recuando 2,9 milhões de barris, contra expectativas de um recuo de 600 mil barris. Já as reservas de gasolina avançaram 900 mil barris, segundo a AIE, mas analistas previam um aumento maior.

"Esse relatório foi totalmente altista, com a grande queda em petróleo e derivados", disse Mike Zarembski, analista da OptionsExpress em Chicago.

Por volta das 14h30, o contrato janeiro subia 2,56 dólares, para 73,25 dólares o barril, depois de fechar na terça-feira com alta de 1,18 dólar, a 70,69 dólares.

(Por David Sheppard)

Tudo o que sabemos sobre:
PETROLEOALTA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.