Petróleo bate novo recorde e fecha em US$ 65,80

O relatório divulgado hoje pela Agência Internacional de Energia (AIE), informando que a demanda da China por petróleo será menor, não foi suficiente para conter a alta nos preços. O preço do Petróleo Intermediário do Texas (WTI, leve) fechou em Nova York nesta quinta-feira no recorde histórico de US$ 65,80 por barril, após chegar a atingir US$ 66, devido a uma maior preocupação sobre se a produção conseguirá compensar a alta demanda em nível global.Ao final da sessão regular, o preço dos contratos de petróleo WTI para setembro subiu US$ 0,90 em comparação ao valor anterior, e com isso marcavam um novo recorde histórico na Bolsa Mercantil de Nova York (NYMEX).Já o barril de petróleo do tipo Brent - de referência na Europa - fechou a US$ 65,38 nesta quinta-feira, num dia em que chegou a ser negociado a US$ 65,66. O barril do Brent para entrega em setembro disparou US$ 1,39 em relação ao fechamento de ontem no International Petroleum Exchange, de Londres.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.