Petróleo bate recorde ao fechar a US$ 64,95 o barril

O preço do Petróleo Intermediário do Texas (WTI, leve) bateu um novo recorde nesta quarta-feira ao fechar a US$ 64,95 no mercado de Nova York. O contrato do barril do WTI para entrega em setembro fechou US$ 1,88 (3%) mais caro que ontem. A forte alta foi atribuída ao elevado nível da demanda por gasolina nos Estados Unidos, à queda das reservas e às tensões geopolíticas geradas pela retomada do programa nuclear iraniano, entre outros fatores.O barril do Petróleo Brent, de referência na Europa, subiu nesta quarta-feira para US$ 63,99 no mercado de Londres, batendo um novo recorde.O Brent para entrega em setembro fechou US$ 2,01 mais caro que ontem. Minutos antes do término da sessão no International Petroleum Exchange, o preço do barril chegou a ser negociado a US$ 64,20.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.