Petróleo cede pelo 4º dia com cessar-fogo em Najaf

A expectativa de cessar-fogo em Najaf, com a chegada do mais respeitado clérigo xiíta aos portões que dão acesso à mesquita sagrada do Imã Ali, ajuda a direcionar os preços do petróleo em baixa nesta manhã, pelo quarto pregão consecutivo. Em Londres, o contrato de outubro do brent caiu para abaixo de US$ 40,00 o barril pela primeira vez nos últimos 11 pregões, chegando a US$ 39,80 na mínima. Às 9h07 (de Brasília), o brent valia US$ 40,09 o barril, queda de US$ 0,59 (1,45%), em Londres.No pregão eletrônico da Nymex, o cru cedia US$ 0,48 (1,10%), para US$ 42,99 o barril. O brent registra desvalorização de cerca de 11% da máxima histórica estabelecida na sexta-feira, a US$ 45,15 o barril e o cru está cerca de 13% abaixo da marca histórica de US$ 49,40 o barril. As perdas revertem pequena alta registrada um pouco antes, com consolidação. Um trader em Londres disse que a tática do mercado mudou nos últimos dias. "Os investidores buscam agora vender após um pico de alta nos preços ao invés de comprar quando o preço atinge as mínimas", explicou. Mas ele acredita que esse movimento é temporário. "A tendência de alta está intacta", afirmou.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.