Petróleo chega a US$ 45,00 na bolsa de Nova York

O contrato de petróleo cru no mercado futuro com vencimento em setembro chegou a US$ 45,00 o barril, nova máxima histórica na New York Mercantile Exchange (Nymex), mas não sustentou-se acima desse patamar. Às 11h52 (horário de Brasília), o petróleo estava em US$ 44,83 o barril, queda de US$ 0,01 (0,02%).A aproximação de uma tempestade tropical no Golfo do México renovou as preocupações relacionadas à apertada oferta de petróleo. A Shell anunciou o fechamento de parte de sua produção na região, em conseqüência dos riscos relacionados à tempestade. A produção de 49 milhões de barris diários de petróleo, assim como de parte da produção de gás, nos campos submarinos de Princess e Crosby ligados à plataforma Ursa, foi interrompida. A porta-voz da empresa, Mary Dokianos, disse que outras unidades poderão ter sua produção suspensa com agravamento das condições climáticas.Outra indústria, a Apache, que utiliza as instalações da British Petroleum, também anunciou a suspensão de uma "mínima" parte de sua produção de gás. As informações são da Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.