Petróleo dispara 4% e fecha acima de US$ 91

O preço do petróleo negociado em Nova York subiu 4,43% e fechou no maior nível em quase três semanas, a US$ 91,27 por barril, em meio a sinais de que a oferta da commodity está diminuindo e também por expectativas de que as autoridades da União Europeia anunciarão amanhã um plano mais abrangente e eficaz para consertar os problemas financeiros da região. Dados que mostraram uma recuperação na atividade industrial da China também contribuíram para a alta. O barril do petróleo tipo Brent, referência para a Europa, avançou 1,72%, a US$ 111,45.

O Estado de S.Paulo

25 de outubro de 2011 | 03h08

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.