Petróleo em Nova York fecha em alta por conflitos em Gaza

Os preços do petróleo nos Estados Unidos encerraram em alta nesta segunda-feira em meio à volatilidade do mercado, estimulados pelo conflito em Gaza, o enfraquecimento do dólar e pela intenção da China de aumentar seus estoques estratégicos de petróleo, informaram fontes. Na Nymex, os contratos com vencimento em fevereiro encerraram em alta de 2,31 dólares, a 40,02 dólares por barril. Em Londres, os contratos do Brent com entrega em fevereiro subiram 2,18 dólares, a 40,55 dólares por barril. Os contratos futuros encerraram abaixo da máxima do dia de 42 dólares o barril e fontes pontuaram que o fraco volume de negócios durante a semana entre o Natal e o Ano Novo ajudou a gerar a volatilidade. "A maior parte dos comentários apontam o conflito em Gaza entre o Hamas e Israel", disse Mike Fitzpatrick, vice-presidente da MF Global, em comunicado. "Certamente, os preços do petróleo devem se manter sensíveis aos desdobramentos geopolíticos. Mas a desvalorização do dólar, o baixo volume e o retorno da procura por barganhas na Europa devem provavelmente contribuir". Fontes também mencionaram sinais de que a Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) está preparando um corte na oferta em 1o de janeiro. (Reportagem de Robert Gibbons)

REUTERS

29 Dezembro 2008 | 19h42

Mais conteúdo sobre:
PETROLEO FECHA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.