finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Petróleo em NY e Londres recua dos patamares recordes

Os contratos de petróleo negociados emLondres e Nova York recuavam dos patamares recordes registradosmais cedo nesta quarta-feira, depois que a fraqueza do dólar eas preocupações sobre o inverno nos Estados Unidosimpulsionaram os preços da commodity. O contrato de petróleo leve negociado em Nova York caía0,65 dólar, às 9h21 (horário de Brasília), para 97,38 dólares obarril. Mais cedo, o contrato chegou a ser negociado a 99,29dólares por barril, muito próximo ao patamar histórico de 100dólares. Em Londres, o contrato do tipo Brent recuava 0,69 dólar,para 94,80 dólares por barril, depois de ter sido negociado a96,53 dólares. "O mercado se aproximou perigosamente de 100 dólares obarril (em Nova York), mas falhou diante da última barreiraporque não existe estímulo para ultrapassá-la", afirmou RobLaughlin, da MF Global. "Isso deve ser testado de novo mais tarde, possivelmentedepois dos dados sobre estoques", acrescentou. O governo norte-americano divulgará nesta quarta-feira osdados sobre os estoques de petróleo da semana passada. Aexpectativa é que os dados mostrem um aumento de 600 mil barrisnas reservas de petróleo bruto, e um avanço de 800 mil barrisnos estoques de gasolina. No caso dos derivados, a aposta é umavanço de 300 mil barris na última semana.

REUTERS

21 de novembro de 2007 | 12h00

Tudo o que sabemos sobre:
PETROLEORECUA

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.