Petróleo fecha em forte queda com abismo fiscal

O petróleo negociado em Nova York fechou em queda de 1,66% ontem, a US$ 88,66 o barril, pressionado pelos receios com o abismo fiscal nos EUA, após a Câmara cancelar na noite de ontem a votação de um projeto do Partido Republicano para prorrogar cortes de impostos para quem ganha até US$ 1 milhão por ano. A queda do petróleo ocorreu apesar da divulgação de indicadores positivos, como a alta nas encomendas de bens duráveis e nos gastos dos consumidores. Mas mesmo com a retração, na semana o petróleo teve valorização de 2,22%.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.