Petróleo nos EUA fecha em queda apesar de aproximação de furacão

Os preços do petróleo nos EstadosUnidos fecharam em leve queda nesta sexta-feira, puxados pelaqueda dos contratos futuros da gasolina e do óleo paraaquecimento antes de seu vencimento. Alguns dos operadores viram um dólar mais forte alimentandoalgumas vendas, apesar das preocupações sobre a tempestadeGustav, que chegou a categoria 1 de furacão após o mercadofechar e que deve atingir as instalações de energia no Golfo doMéxico no início da próxima semana. Na Nymex, o contrato outubro caiu 0,13 dólar, ou 0,11 porcento, e fechou a 115,46 dólares por barril, após ser negociadoentre 115 e 118,76 dólares. "O dólar está em alta e então nós estamos vendo os preçosdo petróleo recuar de sua alta", afirmou Tom Knight, operadorda Truman Arnold. "Eu lembro que, em 2005, o mercado vendeu bastante antes dachegada da Katrina e então ele subiu de volta quando o furacãosurgiu", acrescentou ele. O dólar subiu frente a uma cesta de moedas e estácaminhando para ter a sua melhor performance mensal desdeoutubro de 1992. Em Londres, o contrato outubro do petróleo tipo Brentfechou em baixa de 0,12 dólar, ou 0,1 por cento, a 114,05dólares por barril, sendo negociado entre 113,50 e 116,75dólares. (Reportagem de Gene Ramos, Robert Gibbons e RebekahKebede)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.