Petróleo nos EUA fecha no menor nível em 15 semanas

Os preços do petróleo nos EstadosUnidos fecharam em queda nesta sexta-feira, atingindo o menornível em 15 semanas com o dólar subindo diante de temores sobrea economia mundial, o que eleva ainda mais as preocupaçõessobre a demanda da commodity. As operações foram voláteis com o vencimentos das opções docontrato setembro. Coberturas de posições vendidas perto dofinal da sessão limitaram as perdas. Na Nymex, o contrato setembro fechou em queda de 1,24dólar, ou 1,08 por cento, a 113,77 dólares por barril, menorfechamento desde 1o de maio, após ter sido negociado entre111,34 e 115,20 dólares. O petróleo ficou, na mínima do dia, 35,93 dólares abaixo dorecorde de 147,27 dólares atingido em 11 de julho. No acumulado da semana, o contrato setembro recuou 1,43dólar, ou 1,2 por cento. Ordens de vendas foram disparadas quando os preçosatingiram 112,30 dólares, e o próximo piso para tais ordensdeve ser 110,00 dólares, segundo nota de consultores da CameronHanover. Em Londres, o contrato outubro do petróleo tipo Brent caiu1,13 dólar, ou 0,99 por cento, a 112,55 dólares por barril,após ter sido negociado entre 110,31 e 113,05 dólares. O dólar saltou para a máxima em seis meses frente ao euroimpulsionado por crescente preocupações sobre a saúde daeconomia da zona do euro. Um dólar mais forte deixa as commodities negociadas namoeda norte-americana mais caras para investidores de outrospaíses. (Reportagem de Gene Ramos e Robert Gibbons)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.