Petróleo oscila durante o dia e fecha em alta

Os contratos futuros de petróleo voltaram a operar em alta durante a tarde, chegando a subir acima de US$ 51,00 o barril na máxima intraday (durante o dia). O movimento foi motivado por notícias de problemas em uma refinaria. No encerramento do dia, o barril foi negociado a US$ 50,88 em Nova York, em alta de 2,54% em relação aos últimos negócios de ontem. A alta do preço do produto ocorreu em meio a rumores de um problema na enorme refinaria da Hovensa em St. Croix, nas Ilhas Virgens Americanas. Um porta-voz da refinaria confirmou mais tarde que a unidade está operando a uma taxa reduzida depois de ter iniciado um programa planejado de manutenção mais cedo. Até a mínima cotação de hoje, US$ 48,65 o barril, os contratos de petróleo para dezembro acumulavam uma queda de quase 13% sobre a máxima recorde de US$ 55,67 o barril registrada na semana passada. As informações são da Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.