Petróleo sobe com queda dos estoques e contínua incerteza

Os contratos futuros de petróleo fecharam em alta tanto em Londres (International Petroleum Exchange-IPE) quanto em Nova York (New York Mercantile Exchange-Nymex), impulsionados por dados de declínio dos estoques norte-americanos, expectativa de manutenção dos atuais níveis de produção dos países produtores e persistente tensão entre EUA e Iraque.Pela manhã, o Departamento de Energia dos EUA (DOE) informou que os estoques de petróleo cru encolheram em 5,4 milhões de barris na semana passada, número um pouco menor que o declínio de 5,41 milhões de barris indicado pelo relatório do American Petroleum Institute (API) ontem à noite.Em Londres, os contratos de petróleo Brent abriram em alta deUS$ 0,20 em reação aos dados dos estoques norte-americanos. Mais tarde, quando a Nymex abriu os negócios, os preçosganharam impulso e continuaram a subir até o final da sessão nasduas praças.Operadores disseram que os preços do petróleo também foramimpulsionados pelos comentários de diversos membros daOrganização de Países Exportadores de Petróleo (Opep) de que ogrupo deverá decidir pela manutenção das atuais cotas deprodução na reunião desta quinta-feira, em Osaka (Japão). Fontesda Opep disseram que mesmo a Arábia Saudita está apoiando aavaliação da maioria de manter as cotas inalteradas.Finalmente, os participantes continuam atentos as notíciassobre o Iraque, enquanto o presidente dos EUA, George W. Bush,busca obter uma resolução mais dura do Congresso e da ONU contra o governo de Saddam Hussein. Também foi noticiado que o Iraque convidou diversas companhias a renovarem seus contratos de compra de petróleo. de US$ 28,54.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.