Petróleo sobe com tensão no Oriente Médio, Nigéria

Os contratos futuros do petróleo estão em alta, com investidores temendo eventuais problemas na distribuição caso o ataque de Israel à Síria acabe aumentando a tensão no Oriente Médio. Os preços são alavancados ainda pelo fechamento de dois portos no México, por causa da aproximação da tempestade tropical Larry, e pela convocação de greve a partir de quinta-feira pelo Congresso Trabalhista da Nigéria. Às 7h35 (de Brasília), o contrato do petróleo cru de novembro subia US$ 0,11 (0,36%), para US$ 30,51 o barril, no pregão eletrônico Acess, da Nymex. Em Londres, na Bolsa Internacional de Petróleo, o contrato de mesmo vencimento avançava US$ 0,19 (0,66%), para US$ 28,90 o barril.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.