bolsa

E-Investidor: Itaúsa, Petrobras e Via Varejo são as ações queridinhas do brasileiro

PF faz operação contra fraudes tributárias em 4 Estados

A Polícia Federal realiza hoje a Operação Área Livre, que investiga uma organização criminosa que vem atuando em Rondônia, Acre e São Paulo. Sob a direção da Coordenação-Geral de Polícia Fazendária, 179 policiais federais cumprem 40 mandados de busca nos Estados de Rondônia, Acre, São Paulo e Tocantins, com auxílio de auditores da Receita Federal do Brasil.A organização é investigada pela Polícia Federal desde 2002, por usar empresas fantasmas para fraudar os incentivos tributários concedidos às Áreas de Livre Comércio (ALCs) de Brasiléia e Epitaciolândia, no Acre, e Guajará-Mirim, em Rondônia. Faturando as mercadorias para essas áreas de exceção fiscal, o grupo lograva adquirir produtos por um custo 25% menor que o pago por seus concorrentes. Posteriormente, os produtos eram comercializados em outras cidades, principalmente em São Paulo.Além desse esquema, a organização criminosa também auxiliava outras empresas do Acre e Rondônia a sonegar tributos do mesmo programa de incentivo. Estima-se que a fraude total nas duas ALCs, envolvendo também a atuação de outras quadrilhas, possa superar R$ 240 milhões no período de 2002 a 2006.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.