Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

PIB alemão deve ter forte desaceleração em 2012 com crise europeia

Previsão é que o crescimento econômico no ano que vem seja de apenas 0,4%, ante 3% em 2011

Álvaro Campos, da Agência Estado,

14 de dezembro de 2011 | 11h53

O instituto de pesquisa alemão Ifo afirmou nesta quarta-feira, 14, que o crescimento econômico do país deve desacelerar fortemente, em razão da crise da dívida na Europa. A previsão agora é que o PIB cresça apenas 0,4% no ano que vem, bem abaixo da expansão de 2,3% projetada em junho. Este ano, o crescimento deve ser de 3%, ante estimativa anterior de 3,3%.

"A crise da dívida está desacelerando a economia da Alemanha", diz o Ifo no relatório. O instituto alerta que suas previsões estão sujeitas à incerteza e dependem fortemente de como a crise da dívida será combatida. A estimativa divulgada hoje se baseia na suposição de que "é possível acalmar os mercados financeiros de uma maneira sustentável e evitar uma nova escalada da crise".

Os pesquisadores do Ifo afirmam, entretanto, que existe uma possibilidade significativa de a vontade política para implementar amplas reformas nos principais países da zona do euro, como Itália e Espanha, por exemplo, vai diminuir, ou que os investidores podem considerar que essas reformas não são credíveis e eficientes. As informações são da Dow Jones.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.