PIB da agropecuária deve crescer 5,8% em 2008

Em 2007 o agronegócio como um todo - incluindo insumos e outros setores - teve uma expansão de 7,89%

Leonardo Goy, da Agência Estado ,

19 de março de 2008 | 16h18

O superintendente técnico da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), Ricardo Cotta Ferreira, estimou hoje que o PIB do setor agropecuário brasileiro deverá crescer pelo menos 5,8% em 2008. Dados divulgados hoje pela entidade mostram que em 2007 o agronegócio como um todo - incluindo insumos e outros setores - teve uma expansão de 7,89%. O superintendente disse que sua previsão para este ano considera a concretização das previsões de crescimento da safra e a manutenção das condições atuais de preços das principais commodities (produtos básicos). Segundo ele, foi a combinação de produção com preço que possibilitou o crescimento da cadeia produtiva em 2007.Cotta disse que a CNA continua projetando um crescimento para 2008 apesar da situação de crise financeira americana. "Não sabemos como será com a crise. Ela afeta os preços, mas os fundamentos básicos que sustentarão as cotações são claros: o aumento da produção de biocombustíveis e a maior demanda por parte da China", disse o executivo.Apesar dos resultados positivos de 2007, Cotta destacou que a expansão de 7,89% do agronegócio não significa necessariamente aumento da renda do produtor rural. Ele lembrou que, na contabilidade do PIB, os preços dos fertilizantes tiveram um aumento importante e isso tira dinheiro do bolso do produtor. A expectativa para esta safra, entretanto, é de que ela gere uma renda maior para os agricultores.

Tudo o que sabemos sobre:
Agropecuária

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.