PIB da Espanha teve queda anual recorde de 3% no 1º tri

A economia espanhola teve no primeiro trimestre a maior contração já registrada, como resultado da queda do consumo das famílias e dos investimentos em construção. O Instituto Nacional de Estatísticas (INE) informou que o Produto Interno Bruto (PIB) recuou 1,9% em relação ao quarto trimestre do ano passado e 3% na comparação com o primeiro trimestre de 2008.

AE-DOW JONES, Agencia Estado

20 de maio de 2009 | 06h30

Os declínios são os maiores nos registros do INE, que remontam a 1970, e também são ligeiramente mais acentuados do que a estimativa que o Instituto havia divulgado em 14 de maio. O INE havia previsto que o PIB espanhol cairia 1,8% em relação ao trimestre anterior e 2,9% em relação aos três primeiros meses de 2008. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
PIBEspanha

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.