PIB da Índia cresceu 8,8% no 2º trimestre

Cifra anualizada se refere ao mesmo período de 2009; previsão é de que Brasil cresça 7% neste ano.

BBC Brasil, BBC

31 de agosto de 2010 | 12h54

A economia da Índia cresceu no segundo trimestre deste ano ao maior ritmo anualizado em mais de dois anos, segundo dados divulgados nesta terça-feira.

Ao final do segundo trimestre, o PIB (Produto Interno Bruto) do país apresentava um crescimento de 8,8% em relação ao mesmo período do ano anterior, informou nesta terça-feira o governo indiano.

Com isso, o crescimento da economia da Índia, a 11ª maior do mundo, volta aos níveis anteriores à crise econômica mundial.

Os dados divulgados pelas autoridades indianas também indicam que a inflação continua elevada, chegando a 11% anuais no mês passado, o que, em conjunto com o reaquecimento demonstrado pela economia, indica um possível aumento iminente das taxas de juros.

BRIC

Entre os países do G20 (o grupo das 20 maiores economias do mundo), a Índia tem o segundo maior crescimento médio anual do PIB nos últimos anos, atrás somente da China.

O crescimento percentual do PIB da China no 2º trimestre ainda não foi divulgado, mas espera-se uma desaceleração, com um crescimento anualizado de 10,3%, contra 11,9% no primeiro trimestre do ano.

Entre os países do grupo BRIC (Brasil, Índia, Rússia e China), a Rússia também divulgou dados preliminares nesta terça-feira, indicando um crescimento de 4% ao fim do segundo trimestre em relação ao mesmo período do ano anterior.

O IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) deve divulgar o PIB brasileiro no 2º trimestre na sexta-feira, mas o ministro da Fazenda, Guido Mantega, disse na segunda-feira esperar uma desaceleração em relação ao primeiro trimestre do ano.

Ainda assim, Mantega afirmou que espera que o PIB termine o ano com uma elevação de 7%, índice próximo ao estimado por analistas de mercado ouvidos semanalmente pelo Banco Central (7,09%).

Pela estimativa de Mantega, a economia brasileira deverá crescer a uma taxa média de 5,8% a 6% entre 2011 e 2014. BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Tudo o que sabemos sobre:
indiapibcrescimento

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.