PIB da zona do euro fica estável no primeiro trimestre

A economia da zona do euro estancou no primeiro trimestre do ano, refletindo, principalmente, as dificuldades de três países da região: Alemanha, Holanda e Itália. De acordo com estimativas da Agência de Estatísticas da União Européia (Eurostat), O PIB da zona do euro teve crescimento zero no primeiro trimestre, na comparação com o quarto trimestre de 2002, quando a expansão foi de apenas 0,1%, ante o terceiro trimestre. Em relação aos primeiros três meses de 2002, a economia da região cresceu 0,8%. Os problemas da região ficaram, basicamente, centrados em três países. A Holanda entrou em recessão, após registrar dois trimestres de contração, enquanto a Alemanha e a Itália tiveram um trimestre de desempenho econômico negativo.A perspectiva para o atual e o próximo trimestres não são animadoras. A Eurostat previu que o PIB da região ficará estável no período de abril a junho, enquanto a estimativa para o terceiro trimestre é de crescimento modesto de 0,4%. As informações são da Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.