carteira

As ações mais recomendadas para dezembro, segundo 10 corretoras

PIB da zona do euro tem contração recorde no trimestre

Queda foi puxada pela Alemanha, que registrou a maior desaceleração desde a década de 70

Cynthia Decloedt, da Agência Estado, e Reuters,

15 de maio de 2009 | 07h22

A economia da zona do euro registrou sua maior contração desde que os números começaram a ser registrados, em 1995, puxada por uma queda na produção da Alemanha.

 

A agência de estatísticas Eurostat informou nesta sexta, 15, que o Produto Interno Bruto (PIB) caiu 2,5% em relação ao último trimestre e recuou 4,6% na comparação com igual período do ano passado. Economistas consultados pela Reuters previam uma queda de 2% e 4%, respectivamente.

 

A desaceleração foi maior do que a registrada no quarto trimestre de 2008, que registrou queda de 1,6% sobre o terceiro e de 1,4% na comparação anual.

 

Países

 

O PIB da Alemanha teve contração de 3,8% no primeiro trimestre de 2009 em comparação ao quarto trimestre do ano passado, a maior desaceleração da atividade econômica alemã desde que os registros começaram a ser colhidos, em 1970.

 

A contração do PIB alemão no primeiro trimestre deste ano foi a quarta trimestral consecutiva e reforçou as projeções de que a maior economia da zona do euro irá registrar contração de até 6% este ano. Em relação ao primeiro trimestre do ano passado, o PIB alemão teve contração de 6,9%.

 

Na França, a economia francesa contraiu 1,2% no período entre janeiro e março deste ano em relação aos últimos três meses do ano passado, refletindo forte desaceleração dos investimentos e das exportações, segundo dados preliminares do Instituto Nacional de Estatísticas e Estudos Econômicos do país (Insee). Em comparação ao primeiro trimestre de 2008, o PIB francês caiu 3,2% no primeiro trimestre de 2009.

Tudo o que sabemos sobre:
MACROEUROPAPIB*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.