Estadão
Estadão

PIB trimestral mostra arrefecimento da atividade, diz Maciel

Para BC, meta fiscal, de R$ 66,3 bilhões de superávit primário, deve ser alcançada, mesmo com a atividade mais fraca

Victor Martins e Célia Froufe, O Estado de S. Paulo

29 Maio 2015 | 13h59

O chefe do Departamento Econômico do Banco Central, Tulio Maciel, afirmou que o Produto Interno Bruto (PIB) do primeiro trimestre do ano apresenta arrefecimento da atividade. Os dados das Contas Nacionais, divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) mostraram uma queda de 0,2% no primeiro trimestre do ano em relação ao anterior.

O resultado veio melhor do que a mediana das projeções dos analistas, que era de queda de 0,5%, mas foi puxado basicamente pela boa safra da agricultura. O setor de agropecuária avançou 4,7% no período e ajudou a puxar o PIB. 

Segundo Maciel, os indicadores de PIB já tinham mostrado que o resultado seria fraco e os dados do PIB trouxeram isso. Ele afirmou, no entanto, que a meta fiscal, de R$ 66,3 bilhões de superávit primário, deve ser alcançada, mesmo com a atividade mais fraca. "Tomamos uma série de medidas com o objetivo de ajuste fiscal e de alcançar a meta estabelecida para o ano", afirmou. 

Mais conteúdo sobre:
PIBTulio Maciel

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.