PIB dos EUA cresce 1,4% no trimestre, mais do que o esperado

O crescimento da economia norte-americana no quarto trimestre foi o dobro do estimado inicialmente, refletindo a acumulação maior dos estoques pelas empresas e a melhora dos gastos dos consumidores. O Departamento do Comércio informou que o Produto Interno Bruto (PIB) cresceu em um ritmo anualizado de 1,4% no quarto trimestre, de acordo com a segunda prévia do PIB. A primeira estimativa havia indicado crescimento de 0,7% no período. O novo nível de crescimento ficou acima do prognóstico médio de 21 economistas consultados pela Dow Jones/CNBC, que previam crescimento de 1,1%. Mesmo com a revisão para cima, a expansão do quarto trimestre foi inferior à aceleração de 4% do terceiro trimestre. Os gastos dos consumidores, conforme medido pelo item despesas com consumo pessoal, foram revisados para uma alta de 1,5%, da expansão de 1% divulgada originalmente. A revisão em alta foi um reflexo dos gastos maiores com serviços e bens de consumo não-duráveis. Os investimentos fixos das empresas foram revisados para +2,5%, da alta de 1,5% anunciada previamente, sugerindo que a aguardada ampliação dos gastos com capital está começando a se intensificar, após dois anos de contenção. As informações são da Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.