PIB dos EUA cresce 1,9% no quarto trimestre de 2016

Com o pacote de estímulo proposto pelo presidente Donald Trump, a economia pode receber um impulso

O Estado de S.Paulo

28 de fevereiro de 2017 | 11h47

WASHINGTON - O crescimento econômico dos Estados Unidos desacelerou no quarto trimestre de 2016, com gastos robustos dos consumidores compensados por revisões em baixa para o investimento das empresas e do governo.

O Produto Interno Bruto (PIB) cresceu a uma taxa anual de 1,9%, disse o Departamento de Comércio dos EUA nesta terça-feira, confirmando estimativa para o quarto trimestre divulgada no mês passado. A produção aumentou a uma taxa de 3,5% no quarto trimestre.

A economia cresceu 1,6% para todo o ano de 2016, seu pior desempenho após 2011, e expansão de 2,6% em 2015.

Com o pacote de estímulo proposto pelo presidente Donald Trump, a economia pode receber um impulso, com corte de impostos e investimentos em infraestrutura, bem como menos regulamentação.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.