finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

PIB grego deve cair 3,8% em 2013, dizem autoridades

A economia da Grécia deve encolher 3,8% este ano, disse uma autoridade do ministério das Finanças neste sábado. O porcentual é menor do que o inicialmente esperado, de 4,2%. "Uma recessão mais branda de cerca de 3,8% é esperada em 2013", destacou o funcionário.

AE, Agencia Estado

07 de setembro de 2013 | 08h46

O primeiro-ministro da Grécia, Antonis Samaras, também disse neste sábado que a economia do país terá contração menor do que o esperado em 2013 antes de retomar o crescimento no ano que vem. Ele acrescentou que não serão necessárias mais medidas de austeridade. "A recessão será menor do que o previsto este ano", afirmou Samaras neste sábado, durante um discurso na cidade de Thessaloniki, no norte da Grécia. "Um pequeno milagre está começando a acontecer na Grécia... Pela primeira vez em muitos anos estamos superando nossas metas e, se continuarmos assim, haverá alívio", disse o premiê.

Os comentários ocorrem um dia depois de notícias de que a recessão do país no segundo trimestre foi menos grave do que o esperado, porque uma boa temporada de turismo ajudou a impulsionar a economia prejudicada pela crise e aumentou a expectativa de um retorno ao crescimento em 2014, depois de seis anos de contração do PIB.

De acordo com dados revisados da agência de estatísticas Elstat, o Produto Interno Bruto grego teve queda de 3,8% no segundo trimestre em comparação com igual período de um ano atrás. Em agosto, a agência havia relatado um recuo maior, de 4,6%, em sua primeira estimativa provisória. A queda é a menor da economia grega nos últimos três anos na base de comparação anual.

Inspetores internacionais das finanças da Grécia projetam que a economia do país encolherá 4,2% este ano. Economistas dizem que, pela primeira vez em anos, a meta parece viável. Para o próximo ano, a Grécia deverá registrar uma taxa de crescimento modesta, de 0,6%. Fonte: Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
Gréciaeconomiarecessão

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.