PIB per capita impede melhor desempenho da economia

O Produto Interno Bruto (PIB) per capita do Brasil, ou seja, todas as riquezas geradas pelo País divididas pelo número de habitantes, "tem impedido um melhor desempenho da economia e um avanço sustentado no nível de renda do País", segundo conclui a pesquisa de desenvolvimento sustentável divulgada hoje pelo IBGE. Segundo mostram os dados reunidos no levantamento, o PIB per capita passou, a preços de 2003, de R$ 7.471 em 1992 para R$ 8.564 em 2003. No ano passado o PIB per capita foi menor do que o registrado em 2002 (R$ 8.692). Os números revelam, segundo a análise da pesquisa, que "nos últimos anos, o PIB per capita do Brasil manteve-se num patamar bastante estável, alternando taxas de crescimento baixas com situações de queda em alguns anos". Para o técnico responsável pela análise das informações econômicas da pesquisa, Flávio Bolliger, "há no Brasil um nível de renda per capita baixo em relação ao potencial brasileiro e dos países desenvolvidos".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.